Section Z

Review: Bored_Cyrus | Data: 02/08/2008

Ficha
Plataforma Adaptações/Outras versões Data de Lançamento
Arcade NES, Nintendo Famicom Disk, Playstation 2 (Capcom Classics Collection), PSP (Capcom Classics Collection Remixed), XBOX (Capcom Classics Collection) 12/1985
Desenvolvimento Publicação Classificação
Capcom Capcom Visão Lateral / Rolagem Horizontal
Multiplayer: Até 2 jogadores, alternadamente.
Review

Shooter da Capcom mais conhecido por sua adaptação para o NES, bastante alterada em relação ao original. Você controla um cara flutuando com a ajuda de um jetpack e tem que, para variar, acabar com uma ameaça alienígena (“Império Balangool“, segundo os cartazes oficiais do game), atirando com uma pistolinha de lasers em tudo que encontrar. Tudo se passa dentro de um sistema enorme de túneis, divididos em 26 estágios distintos, cada um com uma espécie de chefe no final. Game divertido, exige bastante sangue frio e rapidez nos controles em certas situações. Há a possibilidade de dois jogadores participarem, mas um de cada vez.

Você tem dois comandos a dar para seu “astronauta”: atirar (além do laser, seu personagem joga uma espécie de bomba para baixo, em párabola) e virar para o lado oposto. Sim, você irá ficar virando seu herói para a direita e esquerda toda hora, já que inimigos vêm de todos os lados – aliás, não é uma boa idéia ficar muito perto da extremidade esquerda da tela. Se estiver cansado de voar, também é possível pousar e andar com seu astronauta. Caso você morra, terá que voltar para um determinado ponto da fase, mas pode continuar deste mesmo ponto caso você perca um crédito.

O curioso é que Section Z inaugurou uma espécie de série! Em outros dois games da Capcom lançados posteriormente, Side Arms Hyper Dyne e Forgotten Worlds, ambos também arcades e shooters, você também controla personagens que flutuam. Outro detalhe curioso é que o personagem de Section Z ganhou nome na versão para o NES: Captain Commando. A Capcom iria usar este mesmo nome para batizar um personagem que virou mascote da empresa por um tempo, ganhando inclusive um game próprio em 1991.

Avaliação
Estrela CheiaEstrela CheiaEstrela CheiaMeia EstrelaMeia Estrela
Screenshots

Curiosidades
Pinball

A terceira fase contém uma pequena sala antes do chefe que faz referência aos saudosos pinballs. Seu astronauta pode, inclusive, ser acertado pelas várias bolinhas que quicam pelos cantos da sala.

Trilha sonora

A Alfa Records lançou (25/08/1986) um álbum contendo a trilha sonora de Section Z, composta por Tamayo Kawamoto.

Este artigo foi postado em Reviews, Reviews: Arcade e marcado como , , . Adicione o permalink a seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *